13 de maio de 2011

Cortinas: luz na dose certa

Oiiiii meus amores!!!
Tá certo... Podem brigar comigo! :'(
Fiquei um tempão sem atualizar o blog... Mas o trabalho está demais e não deu tempo!!!
Mas o "bom filho à casa torna"! rsrs

Então, vamos, lá!!!
Com tecidos, tamanhos e estilos diferentes, as cortinas arrematam a decoração de um ambiente, dividem ambientes com delicadeza e ainda controlam a entrada de luz. Resultado: mais conforto no quarto, escritório ou home theater. Dos modelos que selecionei, descubra o que mais combina com vocês.
Darei algumas dicas e truques para solucionar problemas e criar peças exclusivas.


Neste apartamento antigo, a persiana metálica fica enrolada dentro de uma caixa de madeira e não pode ser removida. A solução encontrada foi instalar um varão que contorna a caixa. A cortina de tergal foi presa com argolas de metal.


Optou-se por cortinas individuais para cada janela na mesma parede. Foi usada para as peças, encomendadas à L´Harmonie, seda costurada com prega americana, que confere volume e caimento. As peças foram penduradas em trilhos suíços escondidos no forro de gesso.

Como bate muito sol nesta sala de TV, uma cortina blecaute barra a luz, criando também um clima de cinema. Quando o sol não incide diretamente, fica fechada apenas a cortina de organza sintética. Formada por três grandes painéis, ela é enfeitada com aplicações de tecidos.

Linho, cambraia e algodão costurados sobre base também de algodão formam a cortina que funciona como um painel decorativo. Optou-se pelo arremate exposto em nervuras, para dar movimento à peça.

O varão contorna a caixa da persiana antiga que não pode ser retirada. A cortina de algodão listrado com forro em tergal e barra dupla fica presa em argolas e disfarça a persiana. Suas dobras são feitas em pregas do tipo fêmea.


Uma cortina romana com quatro painéis de linho e xales de seda rústica indiana. Na barra, o tecido foi costurado para formar um gomo, no qual fica uma vareta. Ela faz peso para dar caimento à peça e serve de base para enrolar o tecido quando a cortina é levantada.

E então, gostaram dos "toques" sobre cortinas?!
Um final de semana repleto de alegria e com muito ESTILO para todos vocês!!!!!!!!
Beijãoooo....

6 comentários:

  1. Oi, Aninha.
    Lindo blog, interessante e inteligente. parabéns. Vou te seguir para ver as novidades. De onde vc é?
    Eu sou do Rio e tenho um bloguinho também...andava meio abandonado, mas gora estou voltando a postar. Vai ser uma honra receber uma visita sua. Afinal, eu que sou só uma palpiteira, adoro trocar idéias com profissionais de verdade como você.
    Um abraço
    Dri
    http://coisasqueeuamoetc.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Aninha!
    Também sou arquiteta, mas adoro me meter nos tecidinhos...
    Adorei seu blog e agora sigo!
    Vou adorar sua visita!
    www.amaischria.com.br -blog
    www.chria.com.br - handmade art
    bjobjo
    Chris da Chria

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Primeira vez no seu blog, adorei!
    Cortinas realmente fazem toda a diferença, complementam qualquer espaço com perfeição.
    Parabéns pelo post.
    Abraços
    Tereza

    ResponderExcluir
  4. Oi Aninha, não sou arquiteta, não sou decoradora, mas sou metida e adoro estes assuntos. Descobri seu blog por acaso e adorei! Infelizmente, alguma coisa aconteceu no meu pc e não estou conseguindo te seguir. Mas assim que resolver este probleminha, me tornarei sua seguidora.
    Beijos,
    Lílian
    http://pensamentosnoespelho.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Amei as dicas Aninha! As cortinas sempre dão um charme ao ambiente. Adorei a cortina de organza sintética enfeitada com aplicações de tecidos.
    Gosto quando o ambiente fica mais alegre :)
    Amei seu blog amiga!
    Tenha uma noite bem especial!
    Xoxo
    Susie
    www.myfashionview.com

    ResponderExcluir
  6. Aninha, desejo a ti, teus familiares e todos os visitantes do teu blog um Feliz Natal. Aproveito para informar que dia 02 de janeiro estreia Urbanascidades 2012, igual mas...diferente.
    Paulo Bettanin.

    ResponderExcluir